Deixe um comentário

Microagulhamento: quais as indicações da técnica?

Microagulhamento O Microagulhamento é o novo queridinho das mulheres para cuidar da pele! Ele é capaz de rejuvenescer, melhorar a aparência da pele, sua textura e luminosidade, combatendo também a flacidez. A técnica produz micro furinhos na pele, estimulando os fibroblastos! Para saber mais detalhes, clique AQUI.

As principais indicações da técnica são: cicatrizes de acne, fotoenvelhecimento, cicatrizes de queimadura, cicatrizes cirúrgicas, entre outras. Além disso, ele também é indicado no tratamento do melasma, estrias, poros dilatados e muito mais.

Cerca de dois a três meses após realizar a técnica, você já pode perceber os resultados, pois a formação do novo colágeno acontece de maneira lenta e, após duas a quatro sessões, é possível observar uma melhora na pele de até 80%. No entanto, o intervalo entre as sessões deve ser de seis a oito semanas.

Assim como em qualquer tratamento estético, o Microagulhamento também tem restrições, como não realizar a técnica em áreas do corpo infeccionadas ou em pacientes com tendência à formação de queloide. Por isso, a avaliação de um dermatologista é fundamental!

Deseja conhecer o Microagulhamento? Agende já uma consulta com um de nossos dermatologistas! Entre em contato pelo telefone: 19 3435-3900 ou envie um e-mail: atendimento@camilacaitano.com.br

 


Deixe um comentário

Você sabe o que é Psoríase Gutata?

CCC

A psoríase é uma doença da pele relativamente comum, crônica e não contagiosa. É uma doença cíclica, ou seja, apresenta sintomas que desaparecem e reaparecem periodicamente. Sua causa é desconhecida, mas sabe-se que pode ter causas relacionadas ao sistema imunológico, às interações com o meio ambiente e à suscetibilidade genética.

Acredita-se que ela se desenvolve quando os linfócitos T ( células responsáveis pela defesa do organismo) começam a atacar as células da pele. Inicia-se, então, respostas imunológicas que incluem dilatação dos vasos sanguíneos da pele, produção de glóbulos brancos para combater a infecção – como as células da pele estão sendo atacadas, a produção das mesmas também aumenta, levando a uma rapidez do seu ciclo evolutivo, com conseqüente grande produção de escamas devido à imaturidade das células.

Esse ciclo faz com que ambas as células mortas não consigam ser eliminadas eficientemente, formando manchas espessas e escamosas na pele. Normalmente, esta cadeia só é quebrada com tratamento.

Os sintomas da psoríase variam de paciente para paciente, conforme o tipo da doença, mas podem incluir:

  • manchas vermelhas com escamas secas esbranquiçadas ou prateadas
  • pequenas manchas escalonadas
  • pele ressecada e rachada, às vezes, com sangramento
  • coceira, queimação e dor
  • unhas grossas, sulcadas ou com caroços
  • inchaço e rigidez nas articulações

A Psoríase Gutata geralmente é desencadeada por infecções bacterianas, como as de garganta. É caracterizada por pequenas feridas, em forma de gota no tronco, braços, pernas e couro cabeludo. As feridas são cobertas por uma fina escama, diferente das placas típicas da psoríase que são grossas. Este tipo acomete mais crianças e jovens antes dos 30 anos.

Fonte: Sociedade Brasileira de Dermatologia

Consulte sempre seu dermatologista e evite a automedicação!


Deixe um comentário

Vale a pena usar cremes firmadores?

Dra Fabiana

Os creme firmadores prometem melhorar o aspecto da flacidez. Mas, será que eles realmente funcionam? Conversamos com nossa dermatologista, Dra Fabiana Caetano Gerbi e ela esclareceu nossa dúvida! Confira:

“Os cremes firmadores podem contribuir no tratamento da flacidez cutânea, mas é claro que depende do creme, de seus princípios ativos, absorção e penetração na pele. Além disso, depende também do grau de flacidez de cada paciente. Casos mais iniciais podem se beneficiar mais. Em geral, cremes com agentes firmadores são mais indicados para mulheres com pele madura. Esses produtos agem restabelecendo a firmeza e elasticidade da pele, que são perdidos gradualmente com a idade. Em geral, são compostos de dimetilaminoetanol, densiskin, tensine e proxylane, que são capazes de melhorar o relevo e reorganizar o colágeno da pele. Associado a outros tratamentos dermatológicos podem ter resultados mais promissores.”

Na hora de escolher o melhor creme firmador, é essencial consultar um dermatologista para que ele indique um produto que esteja de acordo com as necessidades da sua pele!


Deixe um comentário

Novidades da 74ª Reunião Anual da Academia Americana de Dermatologia II

A Dra Viviany Amaral, nossa dermatologista, esteve na reunião Anual da Academia Americana de Dermatologia e trouxe muitas novidades para as piracicabanas. Na semana passada, falamos sobre algumas inovações que ela viu na reunião. Clique AQUI e confira.

Hoje, a Dra Viviany vai contar para nós as novidades sobre tratamentos para o melasma! Acompanhe:

“As luzes artificiais mancham muito mais do que se imaginava. Um estudo mostrou que a pele morena se pigmenta mesmo com uso do filtro solar na presença da luz visível (luz que enxergamos do sol, lâmpadas, computadores, entre outros). A maioria dos protetores solares disponíveis não protege adequadamente da luz visível. 

Atualmente, a grande maioria dos protetores solares contém filtros químicos (substâncias que absorvem a luz) e físicos (substâncias que refletem a luz), como o óxido de ferro e o dióxido de titânio. No caso das manchas, os protetores que refletem a luz são os melhores. Além disso, a cor dos protetores e a maquiagem são capazes de proteger a pele da luz visível.

Mais uma vez fica claro que o filtro solar é o principal produto do tratamento e deve ser aplicado de 3 em 3 horas, mesmo estando em casa ou no trabalho, e de 2 em 2 horas na exposição em praia, piscina e prática de esportes ao ar livre. 

Os comprimidos que ajudam na proteção solar devem ser usados para potencializar a fotoproteção, sempre com acompanhamento médico.

Entre os produtos tópicos clareadores, as fórmulas contendo ácidos e hidroquinona ainda são as que promovem os melhores resultados e devem ser associadas a hidratantes e antioxidantes, como a vitamina C.

Os lasers específicos, quando aplicados seguindo os protocolos, têm mostrado bons resultados. Devem sempre ser associados às terapias tópicas.”

Mais uma vez foi comprovado que o protetor solar é essencial e seu uso deve ser intensificado. Consulte seu dermatologista!

dravivy annual

 


Deixe um comentário

Você sabia que dietas radicais também podem prejudicar a pele?

avatar_face

Além de prejudicar nossa saúde e qualidade de vida, os riscos das dietas radicais também se refletem na nossa pele. Nossa dermatologista, Dra Viviany Amaral, falou sobre o tema para o programa De Bem com a vida Piracicaba. Clique AQUI e confira!


Deixe um comentário

Segredos de Beleza: bronzeamento artificial faz mal a saúde?

bronzi

As câmaras de bronzeamento artificial emitem raios ultravioleta do tipo A (UV-A) em quantidades superiores as dos raios solares. Por isso, a partir de dez sessões por ano, a pessoa já está na zona de risco de desenvolver câncer de pele.

Após várias sessões, o melanoma (tipo de câncer mais grave) pode surgir a partir de inocentes pintas na pele. Além do mais, as câmaras de bronzeamento aumentam a incidência de câncer em partes do corpo que geralmente não são tão expostas ao sol, como as pernas, por exemplo.

Nosso dermatologista, Dr Marcelo Caitano conta para nós sobre os malefícios do bronzeamento artificial: “O bronzeamento artificial é hoje um procedimento contra indicado pelo dermatologista e proibido pela ANVISA. Já sabemos que seu uso aumenta a incidência de câncer de pele, além de envelhecimento precoce, rugas e manchas”, explica.

Cuide da sua pele da sua saúde!


Deixe um comentário

O calor e a pele seca

solseca

No calor, algumas pessoas percebem que a pele apresenta sintomas como vermelhidão, cor acinzentada, coceira e descamação.

Estes sintomas são característicos da pele seca e surgem por conta do sol sem proteção, falta de umidade no ar e, até mesmo, longos períodos no ar-condicionado. Portanto, para cuidar da pele ressecada, a hidratação é o tratamento certo! Mas, não é tão simples quanto parece, pois encontrar o produto certo faz toda a diferença.

O ideal é apostar em um cosmético que deixe a pele “úmida”, por exemplo, pois eles retém a hidratação na pele, melhoram o seu aspecto e a mantém hidratada.

É preciso estar atento a este tipo de pele, já que, apesar do tratamento ser simples, a pele seca pode evoluir para outras problemas, como sangramentos e o eczema.

Além disso, outras doenças como o diabetes também podem deixar a pele seca. Antes de usar qualquer hidratante que talvez não seja  o mais indicado para a sua pele, o ideal é consultar um dermatologista!

Somente um médico pode prescrever os melhores tratamentos para você!