Os problemas de pele mais comuns em crianças

Deixe um comentário

criançasA pele é como uma porta de entrada do organismo, mas leva algum tempo até que ela alcance a maturidade imunológica e espessura necessárias para evitar a entrada de intrusos e resistir às agressões do ambiente, por isso os pequeninos são os que mais sofrem com os problemas de pele.

Veja quais os problemas que mais costumam atingir as crianças:

  • Dermatite de fraldas: é uma irritação ocasionada devido ao contato prolongado da pele do bebê com a urina e fezes. Para tratá-la é necessário aumentar as trocas de fraldas e usar cremes de barreira que possam hidratar a área. Deixar a criança sem fralda por alguns períodos do dia também pode ajudar.

 

  • Piolho ou pediculose: é caracterizado pelo surgimento de lêndeas (ovos da fêmea do piolho), seguido de coceira constante e irritação do couro cabeludo. Para tratar é preciso aumentar a higiene pessoal e fazer uso de xampus e loções.

 

  • Micoses: causadas por fungos, as infecções são incômodas e resistentes, costumam surgir principalmente nas dobras do corpo. É imprescindível manter as regiões com dobras sempre secas e fazer uso de pomadas específicas.

 

  • Brotoejas: quando as glândulas de suor ficam bloqueadas, costumam provocar o aparecimento de bolinhas esbranquiçadas ou avermelhadas que causam irritação e coceira. É importante evitar o uso de produtos que impeçam a transpiração, a criança precisa estar vestida com roupas confortáveis e em um ambiente refrescante.
  • Dermatite seborreica: é caracterizada pelo surgimento de pequenos flocos brancos e oleosos no couro cabeludo, seguido ou não de coceira. Pode ser desencadeada pelo contato com hormônios da placenta, no momento do parto. Um médico deve ser procurado para recomendar medidas específicas de tratamento.

 

Todos nós já ouvimos por aí alguma receita caseira que pode ajudar a solucionar os problemas de pele nas crianças, não mesmo? A intenção é válida, mas o uso de substâncias que não são indicadas para a pele, além de não solucionar o problema, pode agravá-lo ainda mais. Por isso, é importante consultar um dermatologista para que a doença seja tratada de forma segura e correta!

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s